Ernani Ssó

Ernani Ssó é o escritor que veio do frio: nasceu a 13 de agosto de 1953, ano de neve em Bom Jesus, RS. Em 73, entrou para o jornalismo porque queria ser escritor. Saiu em 74 pelo mesmo motivo. Tem livros para adultos, mas prefere os para crianças, porque acha muito mais difícil de escrever. Atualmente escreve duas coleções infantis. Para a editora Paulinas, a série No Escuro, com os volumes A visita da bruxa e A aula da bruxa, publicados em 2005, e A fome da bruxa e O espelho da bruxa a sair em outubro de 2006. Para a Companhia das Letrinhas, a série Histórias do tempo em que os bichos falavam — Narrativas do folclore, com Macacos me mordam! e Amigos da onça a sair este ano, em agosto.Trabalha ainda como tradutor de espanhol e, cada vez mais raramente, como resenhista. Chama-se Ernani por causa de um galã de rádio-novela e Ssó (que parece um erro de revisão) nem lembra mais, talvez para não se sentir sozinho, como disse Mario Quintana.

Prêmios

  • Prêmio Cyro Martins de Melhor Romance, 1996, para O Emblema da Sombra.
  • Prêmio Rodolfo Aisen, categoria Jovem Leitor, 1999, da União Brasileira de Escritores, Rio de Janeiro, para O Edifício - Viagem ao Último Andar.
  • Prêmio Josué Guimarães, na 8a Jornada Nacional de Literatura de Passo Fundo, 1999, para os contos Primeira Comunhão, Um Pedaço de Mulher e Corvos na Chuva.
  • Bolsa para Conclusão de Obra, de 1999, da Fundação Biblioteca Nacional, do Rio de Janeiro, para o livro de contos Corvos na Chuva. (Júri: Bella Jozef, Antonio Carlos Scchin, Godofredo de Oliveira Neto).
  • IX Concurso Nacional de Contos, Prêmio Ignácio de Loyola Brandão, pelos contos Primeira Comunhão e Corvos na Chuva. (Júri: Ignácio de Loyola Brandão, Dionísio da Silva e Guacira Marcondes Machado Leite. Obs.: Pela primeira vez na história desse concurso um mesmo autor classifica dois contos em primeiro lugar. Foram escolhidos entre 2436 contos.)
  • Finalista no Prêmio Luiz Vilela, 11o Concurso Nacional de Contos, Minas Gerais, 2001, com O Rei da Sanfona.
 

 Site

Colunista do Coletiva.net  

Bibliografia

Adultos

  • QI-14, antologia de humor com participação de Luis Fernando Verissimo, Edgar Vasques, Santiago e outros. Editora Garatuja, l975.
  • Barão de Itararé, biografia, Editora Tchê, l984.
  • O Diabo a Quatro, romance, Editora Tchê, l985.
  • "Nós Somos os Marcianos", ensaio, Editora Vozes, l987, na coletânea Os Favoritos do Público, organizado por Regina Zilberman.
  • O Sempre Lembrado, novela, IEL, l989.
  • O Emblema da Sombra, romance, editora Artes e Ofícios, 1998.
  • "Por que é mais difícil escrever para crianças", em Psicanálise e Literatura, Revista da Associação Psicanalítica de Porto Alegre, no 15, novembro de 1998.
 

 Juvenil

  • O Edifício - Viagem ao Último Andar, novela, Editora Mercado Aberto, 1997.
  • Metrópolis, infantojuvenil, WS, 1998.
 

 Infantil

  • No Escuro, infantil, L&PM, l987. Ilustrações de Sílvio Silva.
  • O Túnel de Letras e o Reino de Pedras, infantil, Editora Scipione, l995. Ilustrações de Guazzelli.
  • A visita da bruxa, série No Escuro, Editora Paulinas, 2005. Ilustrações de de Jótah.
  • A aula da bruxa, série No Escuro, Editora Paulinas, 2005. Ilustrações de de Jótah.
  • Macacos me mordam!, série No tempo em que os bichos falavam - Narrativas do Folclore, Companhia das Letrinhas, 2006. Ilustrações de Florence Breton.
  • Amigos da onça, série No tempo em que os bichos falavam - Narrativas do Folclore, Companhia das Letrinhas, 2006. Ilustrações de Marilda Castanho.
  • O espelho da bruxa, série No Escuro, Paulinas, 2006. Ilustrações de de Jótah.
  • A fome da bruxa, série No Escuro, Paulinas, 2006. Ilustrações de de Jótah.
  • Contos de morte morrida, série No tempo em que os bichos falavam - Narrativas do Folclore, Companhia das Letrinhas, 2007. Ilustrações de Marilda Castanho.
  • O voo da bruxa, série No Escuro, Editora Paulinas, 2007. Ilustrações de de Jótah.
  • Contos de gigantes, série No tempo em que os bichos falavam - Narrativas do Folclore, Companhia das Letrinhas, 2008. Ilustrações de Nelson Cruz.
  • Castelos e Fantasmas, série No tempo em que os bichos falavam - Narrativas do Folclore, Companhia das Letrinhas, 2008. Ilustrações de Cárcamo.